Postagens

Levado pelo vento

Imagem
O vento
Dissipa meus pensamentos
E por um momento... 
Meus sentimentos 
Tornam-se isentos. 
Pois ele sopra por tanto tempo 
E de modo tão intenso; 
Que tudo aquilo que ainda me lembro 
É também levado pelo vento.


Rebeca Lima

Confissões e Segredos

Não era algo que eu planejasse pensar, nem sentir, ou um momento que eu quisesse viver, mas, vez em quando circulava por minha mente adormecida, como se no profundo penhasco pouco explorado existissem vestígios de sua memória, e, de repente sua presença era tão viva, que mesmo sabendo que sua aparência tinha se transformado com o tempo, eu ainda guardava comigo os traços mais detalhados de suas feições. Quando despertava daquele sonho quase real, ainda sentia exalar todos os sentimentos indecifráveis, como se fossem arrancados pelos poros da minha pele. 

Meus olhos se abriam desejando voltar novamente para caminhar sobre aquele solo, visualizando dois pares de pés, ouvindo minha própria voz, dizendo palavras que jamais consegui unir e formar a frase que talvez fosse o desfecho dessa história que possa ter acontecido somente em meu particular. Esse paraíso que me visita em segredo traz de volta sensações que caminharam comigo por muito tempo, como uma sombra invisível. Tal coisa imprevi…

Camisa de força

A liberdade anda confusa, 
Deixou de ser aquela musa, 
Hoje está mais para uma escrava... 
É que estão lhe pondo uma blusa,
Que a alegria nunca usa, 
Porque o riso não destrava. 

A liberdade não se prende, 
Porque é rede no alpendre, 
Onde a brisa lhe acaricia... 
Sem ela o peito não acende, 
É ligação que não atende, 
Pois tudo é madrugada fria.

Rebeca Lima

Minha canção

Não briga comigo 
Dói-me tanto o castigo 
Te peço por favor 
Não faças jamais 
Eu não tenho paz
Sem o teu amor 

Tomo os teus versos 
E os dedilho ao avesso 
No meu coração 
Rechaço o degredo 
Não é segredo 
Que és minha canção.

Rebeca Lima

Confissão

Ah! Como se fosse novidade...  Cada palavra que dita de coração  Como se essa velha verdade  Não fosse visível constatação 
Faz de conta que não sabia...  E toma em tuas mãos esse amor Que virou versos, se fez poesia  E perfumou a vida feito uma flor 
Toca essa alma na urgência...  De sair finalmente desse frio chão  E vem acalmar toda a impaciência  E aceita com amor, essa confissão.

Rebeca Lima

Os muros se levantam

Não poderemos comprar 
Não poderemos plantar 
Não poderemos colher 
Não poderemos falar ou chorar 

Manipulam grosseiramente 
Os cérebros doentios 
Os ''intelectuais'' dementes 
E doídos estão os estômagos vazios 

Abram as valas aos indigentes 
Surrupiem o ouro negro 
Enterrem os tais dementes 
Alvejem as crianças inocentes 

Jatos da mais límpida água 
Desperdiçados, defronte aos rios que seus gemidos deságua 
Eles têm sede de novos horizontes 

Eu choro a gota que sobrou de um rio morto, como o mar 
Eu choro sem falar do que acabou! 
Choro a dor de um olhar 
Grito enquanto posso esbravejar 
E vem o choro do medo a ralhar com minhas angústias sem lar.


Rebeca Lima

Com o tempo

Com o tempo, a gente aprende o que realmente é necessário e importante para nossa vida. Com o tempo, a gente amadurece, fica mais velho, mais sábio e alguns calvos. 
Inteligente é aquele que usa o aprendizado para melhorar a qualidade de sua vida. Triste de quem não absorve e não aprende com a trilha da própria existência. Com o tempo, a gente aprende a dar valor a quem nos dar valor. A gente sabe quem queremos do nosso lado. Com o tempo, a gente aprende a cicatrizar as decepções que chegam e a desapegar da alegria que se vai. Com o tempo, a gente aprende a sorrir, aprende a viver e a deixar os problemas um pouco de lado! Com o tempo, a gente aprende com o erro e aprende a ser mais sensato, mais crítico e aprende a ser menos escandaloso e revoltado. Com o tempo, a gente também aprende que ninguém merece exacerbadamente o nosso respeito, nossa atenção e até mesmo o nosso amor. Com o tempo, a gente aprende que tudo isso que queremos oferecer para os outros era para ter sido oferecido pri…